segunda-feira, 9 de novembro de 2009

A Queda do Muro

Faz hoje vinte anos que caiu o Muro de Berlim. Já vinte anos! Lembro-me bem desse dia, em que todos assistimos, pela televisão, à avalanche de pessoas que se precipitava sobre o Muro, frente à face atónita dos guardas da Alemanha de Leste, paralisados pela surpresa e por um vento de liberdade que soprava, por aqueles tempos, por toda a Europa de Leste, das Repúblicas "populares" e "democráticas". Hoje, Berlim e a Alemanha estão de novo unificadas, mas as marcas psicológicas ainda irão demorar algum tempo a desaparecer.
O século XX assistiu à ascensão e queda de duas ideologias totalitárias, o fascismo, derrubado no final da Segunda Guerra Mundial, e o comunismo, que caiu ao mesmo tempo que o Muro de Berlim, permitindo ver o que estava do outro lado.
Os canais televisivos já disseram tudo o que havia a dizer sobre esta efeméride. Só quero acrescentar os meus parabéns à Alemanha e à Humanidade.


BRIDGE THE DIVIDE from ABOVE on Vimeo.

9 comentários:

  1. @o anos já se passaram.Credo, como voa mesmo o tempo! E que bom que isso tenha ocorrido! Que sempre sejam retirados muros ,paredões que criamos na vida...beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Olá

    Uma efeméride a recordar.

    Os "muros" devem ser retirados não só da ideologia, mas do sistema que normalmente não as pratica.

    ResponderEliminar
  3. 20 anos.
    Foi há 20 anos que um Povo começou a acreditar outra vez, se é que alguma vez o deixaram de fazer.
    Também fiz um post sobre o assunto.
    Mas gostei muito da forma como fizeste este e a tua descrição.
    Realmente Parabéns Alemanha, Parabéns Europa e talvez ao Mundo. Todos ficámos mais ricos.
    Um beijo,

    ResponderEliminar
  4. É incrivél já passou tanto tempo! também me lembro do dia.
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Chica, Lilá(s)
    Os anos passam, quando damos por isso aquilo que nós vivemos já está nos manuais de História!
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Faires
    Também acho que, apesar dos problemas de desenvolvimento, das assimetrias, que ainda subsistem, foi um momento notável.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Concordo, Mona Lisa
    Continua a haver muros difíceis de derrubar, principalmente os dos nossos preconceitos e ignorância.
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Gostei muito do teu texto, minha querida "historiadora". É com estes actos e acontecimentos que se fazem as notícias, as reportagens, as entrevistas a pessoas que viveram antes e depois da queda de Berlim.
    Convivi com uma jovem berlinense que me disse que aquele tinha sido um dos momentos importantes na história do seu país, que tinha assistido ao derrube do muro e guardado um pedacinho. Assim se perpetuam as memórias de momentos marcantes.

    Beijinho grande

    ResponderEliminar
  9. Natália
    Eu acho que este é um daqueles momentos que marcam a vida de quem tem a sorte de os vivenciar. Momentos de exaltação, em que se sente a História a avançar connosco, como no 25 de Abril.
    Bjs

    ResponderEliminar