quinta-feira, 2 de julho de 2009

Desafio

Na sequência da declaração da Cidade Velha de Santiago, em Cabo Verde, como Património Mundial da Humanidade, de que falei ontem aqui, resolvi fazer um desafio a quem me visita: quem sabe quais são os sítios portugueses declarados pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade? Não falo de vestígios portugueses no mundo, mas sim do património de Portugal.
Vou dar uma ajuda: são 13 sítios, 12 de património construído, 1 de património natural.
Deixo este desafio até ao fim de semana. Alguém quer responder?

13 comentários:

  1. Viva, Teresa!

    Sei quais são. Como, porém, não quero estragar-lhe o passatempo, vou enviar-lhos para o email do blog.

    Abraço

    Ruben

    ResponderEliminar
  2. Concordo com o Ruben! Não vou estragar a festa. Enviarei a resposta via-e-mail (amanhã).

    E já agora, confirmo o comentário que fez lá no blogue. Ficarei a aguardar pelo envio do seu contributo para a blogagem.

    Bjs Susan

    ResponderEliminar
  3. Vou começar a estragar a festa! ;)
    Não me lembrarei de todos... mas aqui vai
    Centros históricos do Porto, Guimarães, Angra, Évora; Sintra; Batalha, Jerónimos, Torre de Belém, Alcobaça, Convento de Cristo; Douro e Pico e não me lembro de mais nada!
    Não se pode acrescentar de Marrocos? Fez, Praça Djmaaa el Fna... ok, já me vou calar.
    Aguardo acrescentos ou correcções, se for caso disso.

    ResponderEliminar
  4. Anabela
    Estavas quase lá. Só falta um sítio, património natural.
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Pois... a floresta Laurissilva da Madeira.

    Ruben

    ResponderEliminar
  6. Ruben, é imbatível.
    Pronto, aqui não se dão selinhos, mas vou nomeá-lo visitante honorário.
    Obrigada pela participação.

    ResponderEliminar
  7. Belíssimo desafio. Agora estou por demais curioso, em particular com o patrimônio natural que deve ser lugar encantador.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  8. Pois! Esqueci-me da Madeira! Da floresta! :)
    Beijinho, Teresa

    ResponderEliminar
  9. Não sei quantos são. Nem hoje essa classificação tem o valor que muitos lhe atribuem.
    As distinções perdem significado e importância quando passam a ser distribuidas em série. Foi o que se passou com as declarações de Patrimómio da Humanidade ou lá o que é.

    ResponderEliminar
  10. Viva, Teresa!

    "Prontos", aceito!

    Abraço

    Ruben

    ResponderEliminar
  11. Olá rps
    Na verdade, as coisas só têm o significado que nós lhes damos. Mas, no caso da UNESCO e dos sítios declarados Património da Humanidade o valor é mais do que simbólico, já que a própria UNESCO contribui financeiramente para a sua recuperação ou preservação. Em muitos casos, é a única forma de manter com alguma dignidade locais unanimemente considerados valiosos para a memória colectiva. E quanto à importância da preservação do património, tenho a certeza que nem o rps tem alguma coisa a objectar.
    Há também o valor simbólico, que não é desprezível. Por alguma razão a população de Santiago, em Cabo Verde, saiu para a rua a festejar a elevação da Cidade Velha a Património da Humanidade.
    Abraço
    Volte sempre. A polémica também faz falta.

    ResponderEliminar
  12. Olá Teresa!

    Já não cheguei a tempo de participar, mas é sempre tão bom ler o que se passa por aqui...

    ps:
    estou a ter cada vez mais falta de tempo para blogar!! muita :(

    beijinhos Teresa e obg por se ter lembrado, poois teria gostado de participar.

    ResponderEliminar
  13. Olá Teresa,

    vi o desfio no dia que o colocaste, mas acabei por não conseguir participar. Não fui a tempo, porque entretanto tive de fazer alguns TPCs.
    Tive pena de não participar. Fá-lo-ei para a próxima.

    Talvez lançar o desafio para a criação do "Blogue da Lusofonia", como me dizias no outro dia.

    Beijinhos

    Beijinhos.

    ResponderEliminar