quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Divertimento de coveiro

A espécie humana não pára de me surpreender. Umas vezes pelas melhores razões, outras vezes, demasiadas, pelas piores razões. 
Imaginem-se quatro rapazes, uns mais velhos outros mais jovens. Provavelmente, todos com um baixo nível de escolaridade, oriundos de meios desfavorecidos, talvez provenientes de famílias disfuncionais. Talvez até consumam drogas, quase de certeza que bebem uns copos a mais quando calha! Arranjaram um emprego, não é seguramente o emprego dos seus sonhos, mas foi o que apareceu: tornaram-se coveiros num cemitério dos subúrbios. E o que fazem para se distrairem, nas horas vagas, enquanto não há ninguém para enterrar? Praticam tiro ao alvo com as ossadas da vala comum! Parece um filme negro, dos irmãos Cohen, ou semelhante? Filme de terror, série B? Não, aconteceu mesmo, no cemitério de Belas, concelho de Sintra. Foi revelado hoje pelo presidente da Junta de Freguesia de Belas, como se pode ler aqui.


Não faço ideia do que pode levar quatro pessoas a tal atitude. Inventei-lhes um percurso de vida plausível, mas que não pode ser desculpabilizante. Mas podem ter uma história e umas razões completamente diversas. Uma coisa é certa: há valores básicos, relacionados com a decência e o respeito pelo nosso semelhante, que lhes passaram completamente ao lado! E isso é assustador!

19 comentários:

  1. Do pior: ao estilo de "o trabalho liberta", versão free time. Beijinho, Teresa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é Fátima! Arbeit macht frei, versão suburbana!
      Beijinho.

      Eliminar
  2. Teresa,

    embora não seja a primeira vez que leio um artigo desta natureza, confesso que fico sempre estupefacta! Não importa de onde as pessoas são oriundas, o que é certo é que são coisas e comportamentos básicos que nós sabemos que não devemos fazer!

    Não tenho nada mais a acrescentar... enfim!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já não nos deviamos espantar, infelizmente; mas lá que há coisas incríveis!...
      Beijinho.

      Eliminar
  3. Nem sei que dizer. Provavelmente o percurso que lhe inventaste é verdadeiro, mas nada justifica esses actos.

    Que havemos de fazer?


    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que não justifica, mas já estou à espera do discurso desculpabilizante... Nada a fazer, infelizmente!
      Beijinho.

      Eliminar
  4. Fazem lá idéia do que são princípios !...
    A culpa é de quem os contratou sem mais aquelas..


    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João
      Sei lá, se calhar mais ninguém queria ser coveiro! :)
      Beijinho.

      Eliminar
  5. Também já tinha lido a noticia, e fiquei bastante arrepiada!
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Oh, Teresa, não sei se esse "passado" que referes é verídico ou não. Na volta são apenas lerdos. Ou estavam (muito) bêbados. Ou ambas as coisas... ;)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teté
      Também não sei, mas lá que eram lerdos, parece-me certo!
      Beijinho.

      Eliminar
  7. Tudo isto é fruto de um mundo cada vez mais louco.
    Aonde iremos parar?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João
      Se calhar à cova! :)
      Sem chumbos no esqueleto, de preferência!
      Bjs

      Eliminar
  8. Estamos a viver um tempo muito triste... E em todas as épocas da História alguém deve ter suspirado o mesmo, mas acho que nunca antes se viu tamanha libertinagem, irresponsável e gratuita...

    ResponderEliminar
  9. Um mundo cão, com todo o respeito por este animal tão fiel ao seu dono! :-((

    Abraço

    ResponderEliminar
  10. Confesso que ao ler a notícia me comecei a rir. Não propriamente pelo acto, mas por constatar que este país parece estar a transformar-se numa arena de circo ode há cada vez mais palhaços

    ResponderEliminar
  11. Nada desculpa esse comportamento!

    Mas como todos os valores estão ou já desaparecidos ou invertidos e os maus exemplos vêm de quem não tem famílias disfuncionais, nem se drogam ou embebedam (pelo menos que venha a público)...não é surpreendente.

    Um bom fim de semana,

    ResponderEliminar
  12. Voltei para dizer que há no meu poleiro um selinho para ti! Espero que gostes! Está em http://domeupedestal.blogspot.pt/2012/10/premio-dardos.html
    um beijinho

    ResponderEliminar