sábado, 24 de outubro de 2009

Aeroportos

Não gosto de andar de avião.

Gosto muito de viajar e o avião é a forma mais rápida de me deslocar, por vezes a única, e, por isso, rendo-me aos transportes aéreos. Mas que goste, não gosto, sinto-me presa naquele pequeno espaço e, confesso, ataca-me uma pequenina claustrofobia.
Mas, ainda mais do que os aviões, detesto os aeroportos. São os espaços mais descaracterizados e impessoais que existem. São todos idênticos; ponham uma pobre alma num aeroporto e, a não ser pelas placas identificativas, não saberá distinguir se está em Madrid, Frankfurt, Paris ou Genebra. Todos  semelhantes, com os mesmos corredores, as mesmas colunas, as mesmas toilettes. As mesmas lojas, com as mesmas marcas internacionais. Não pertencem a um país, pertencem a qualquer país. Ou melhor, são espaços de não-pertença.



As pessoas deambulam, com algumas maletas nas mãos, sentam-se a engolir comida internacional ou fast-food, em espaços que são iguais em todo o lado. De vez em quando, formam-se filas que da mesma maneira se esvaziam, fazendo lembrar uma peça de teatro do absurdo.
São espaços de passagem, de transição, grandes plataformas logísticas, onde os produtos são os passageiros. São eficientes, sim. Utilizamo-los. Mas não conseguimos amá-los.





Imagens do Aeroporto de Madrid (Fotos de Teresa Ferreira)

10 comentários:

  1. Oi,Teresa
    É verdade,os aeroportos são sempre parecidos, com aqueles corredores enormes ,não fazem parte dos espaços que gostaríamos de permanecer senão no momento de partidas. Lembro que quando criança gostava e pedia pra ir ver os avioes decolando e até hoje isso me dá um certo prazer rsrs .Ainda acho bonita a descida da aeronave, ver pessoas que acenam pros familiares e amigos. A visão me agrada,Teresa.
    Um domingo feliz , sem aeroporto .
    Abraços

    ResponderEliminar
  2. Olá Lis
    É engraçado, sabes que quando era pequena também era assim, gostava de ir ver os aviões e as pessoas a despedirem-se? Agora já não acho graça. Mesmo as despedidas acontecem fora do aeroporto e já ninguém pode acenar a dizer adeus. As medidas de segurança, os aeroportos enormes, enfim... Um bom domingo também para ti e beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Enfim encontrei alguém que não goste de aeroportos. Acho tão chato andar por eles.Sem graça.`São muito tumultuados. beijos,lindo domingo,chica

    ResponderEliminar
  4. olá Teresa
    Como tu, também adoro viajar, mas realmente, cada vez mais, custa passar horas seguidas nos aeroportos, sejam eles quais forem. Para mim, também já passou a fase de encantamento, talvez porque, ainda há bem pouco tempo, estive 6 horas para apanhar um avião, sem poder fazer nada, além de tentar não adormecer. Mas... já estou pronta para outra! Assim surja a oportunidade...
    Beijinhos
    Romicas

    ResponderEliminar
  5. Chica
    Afinal, pensei que era só embirração minha, mas não é. Há mais gente que sente como eu!
    Bjs e bom domingo.

    ResponderEliminar
  6. Rosa
    Estás como eu. Da última vez também foi assim, 6 horas no aeroporto de Madrid. Já não há paciência. Só me lembrava do filme "Terminal do Aeroporto" com o Tom Hanks e de como devia ser chato viver ali.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. São não-lugares, Teresa, não-lugares :)

    beijo

    ResponderEliminar
  8. Oi,
    "Não há Bela sem senão ..."
    Gostamos de passear.Este é um dos meios de transporte da actualidade mais seguro e mais rápido. Chegar ao outro lado do Mundo em horas, não há outra forma.
    No filme "Terminal do Aeroporto", aquele personagem, viveu num destes locais. Conheceu pessoas diferentes, culturas diferentes. É evidente que estamos no campo da realidade cinamatogáfica.
    Uma das formas de fazer o tempo correr, é "observar e ver" a imensidão de culturas e pessoas diferentes, reunidas num só local. E eu sei que tu gostas e consegues fazê-lo.
    São lugares de "passagens" e de muitas emoções.
    É uma ajuda para os tempos de espera.
    Pode ser aborrecido, mas mesmo assim eu ainda prefiro esta criação do Homem para conhecer outros locais e outras gentes.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  9. Adoro viajar mas também detesto os aeroportos e os tempos de espera. Em vez de entrar nas lojas prefiro olhar para as pessoas das mais variadas raças, além de ficar mais em conta ainda dou asas à imaginação.
    :)

    ResponderEliminar