segunda-feira, 28 de abril de 2014

Pausa em jeito de balanço

Este blogue comemora o seu quinto aniversário neste mês de abril. Foram cinco anos muito cheios, recheados de coisas boas e más e de muitas emoções. E em todas elas o blogue esteve presente, refletindo de forma mais ou menos explícita essas emoções. Chegou o momento de o terminar, de fechar a porta devagar e sair de mansinho.
Ao longo destes cinco anos fiz cerca de 500 posts. Em todos eles espelhei a minha forma de olhar o mundo, partilhei reflexões, falei de livros e de viagens, contei histórias, algumas fruto da minha experiência pessoal, outras fruto da minha imaginação. Diverti-me a escrever alguns posts. Chorei a escrever outros. Quase sempre senti a empatia de quem me lia. Porque um blogue não existe no vazio, vive da partilha com quem o lê. E, para ter leitores, o blogue precisa de regularidade.
Neste momento da minha vida, não consigo manter este espaço num registo regular. Sem regularidade não há partilha e cada post é como um sopro, que se perde no espaço. 
Chegou portanto o momento de terminar. Sem mágoa, mas já com saudade. É como se me estivesse a despedir de um amigo querido, com quem partilhei bons e maus momentos, sem saber se o voltarei a ver. Talvez um dia!...



Boas férias!

(Fotografia de Teresa Diniz)

18 comentários:

  1. Fico triste e espero que voltes após as "férias".. Mesmo silenciosa, passava aqui sempre! Gosto de te ler! bjs, chica e tuuuuuuuuudo de bom!

    ResponderEliminar
  2. TERESA

    Foi um enorme prazer ter tido a oportunidade de a conhecer pessoalmente.
    Nem sempre acompanhei o seu blogue. Fi-lo sempre que me foi possível.
    Vou ter saudades. Saudades mesmo !
    Desejo as maiores felicidades e, como diz, talvez até um dia...

    Um beijo com muita amizade.

    ResponderEliminar
  3. Grande decisão Teresa! Não faz mal escreveres quando tiveres tempo e/ou paciência...:) não é preciso fechar a porta que tal se fores aparecendo????
    De qualquer maneira deixo-te um abraço e não digo adeus digo até breve.
    xx

    ResponderEliminar
  4. Oh :( vais deixar saudades! As tuas publicações esporádicas não eram um sopro perdido no espaço, mas sim uma lufada de ar fresco!
    Felicidades :)

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pelo aniversário...mas fiquei um pouco triste com a decisão, gostava de poder continuar a passar por aqui
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  6. Gostei de passar por cá, quem sabe se um dia não voltarei?
    :)
    Tudo de bom!

    ResponderEliminar
  7. Tenho pena, mas também esperança que o regresso seja breve.

    ResponderEliminar
  8. Agradeço, do fundo do coração, estas mensagens de amizade. Todos os espaços onde existem seres humanos são percorridos por emoções e estabelecem-se laços, mesmo ténues, resultantes da partilha. A blogosfera não é exceção. Tenho a certeza de que nos continuaremos a cruzar, nos blogues que vou continuar a ler.
    Obrigada!

    ResponderEliminar
  9. Teresa, compreendo o que sente, eu mesma pensei em fechar as portas muitas vezes. Nem sempre temos algo a dizer, mas há um dia em que nos faz falta a palavra e o desabafo. Vá, mas deixe a porta aberta, nunca se sabe quando poderá querer regressar.
    Foi um prazer conhecer este espaço, mesmo não sendo uma presença muito assídua no mesmo. Tenho pena, mas tb compreendo...
    Boa ausência e que encontre tudo aquilo que procura.
    Um beijo grande e até breve :)
    Helga

    ResponderEliminar
  10. Mais um, mais uma machadada na blogo, e como tem sucedido quase sempre, são os blogs válidos que desaparecem - vão ficando alguns, mas a maioria dos que agora sigo são apenas um monte de banalidades que ficavam bem nas redes sociais e nada mais...
    E os que vão nascendo não acrescentam nada à mediocridade quase generalizada que agora existe.
    Espero que regresses, pois fica sempre um "bichinho" a roer lá dentro...

    ResponderEliminar
  11. 5 anos para um blog, é obra!
    Parabéns!

    ResponderEliminar

  12. Por cá estarei quando voltar, cara Teresa, da mesma forma como estive à sua espera, pacientemente, quando um dia numa pesquisa em relação à arte ou expressões literárias que existem nas estações de metro, fiz-me sua seguidora e aguardei...
    Foi com grande júbilo que li o seu primeiro post depois desse dia. E porquê? Porque o seu blog traz-nos sempre algo de novo, transmite conhecimento com um toque pessoal muito seu, onde se lhe adivinha a alma.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  13. Espero que o regresso se realize e não muito demoradamente, pois fazem falta pessoas qie pensam por si neste espaço blogosférico.

    Um abraço com carinho, desejando as maiores felicidades pessoais e profissionais, com parabéns pelo aniversário do blogue.

    ResponderEliminar
  14. Oi Tereza
    Seu blog sempre foi uma referência de qualidade e simpatia ,também um enorme prazer nessa amizade construída distante e inesquecível.Entendo muito sua saída quando o que não aceitamos é nao estar presente como deveríamos nos espaços dos amigos e como disse é essa troca que alimenta o blog.
    Espero ve-la no facebook vez ou outra _essa outra rede que por ser mais dinâmica facilita alguns contatos.
    grande abraço e obrigada por tudo que fostes até aqui,Pra mim e para todos os seus leitores.
    beijos

    ResponderEliminar
  15. Teresa

    De vez em quando temos de parar...é mesmo necessário...tal como nas nossas vidas profissionais, precisamos de férias ! Também fiz cinco anos de blogue mas, tenho consciência que devo fazer algumas paragens para poder continuar, afim de não nos enfastiarmos e cansar quem nos lê.
    Repousa e volta com mais ideias para um blogue que já conquistou o seu lugar, por mérito, nesta auto estrada por onde todos corremos. Conto contigo.
    Um beijo
    Graça

    ResponderEliminar
  16. Olá, querida Teresa
    Vc me parece muito sensata... mas, se repensar, volte porque aqui a gente se distrai também... faz amigos e escreve por gosto...
    Vc escreve muito bem!!!
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  17. Miguel Ângelo Fernandes20 de julho de 2014 às 20:18

    Então? Isto reactiva ou quê? A malta tem saudades.

    ResponderEliminar